Angola Telecom vai contribuir mais para o OGE

O ministro das Telecomunicações e Tecnologias de Informação, José Carvalho da Rocha, avançou, hoje, em Luanda, que as transformações em curso na Angola Telecom vão permitir uma maior arrecadação de receitas e uma maior contribuição desta empresa estatal no Orçamento Geral do Estado.
As transformações em curso na Angola Telecom passam pela sua entrada no segmento da telefonia móvel, modernização dos seus serviços, assim como nos recursos humanos.

O ministro fez estas declarações durante o encontro com jornalistas, na sede do GRECIMA. Importa referir que já estiveram frente à frente com os jornalistas os Governador de Luanda, Higino Carneiro, o ministro das Finanças, Armando Manuel, do Ensino Superior, Adão do Nascimento, e o da Energia e Águas, João Baptista Borges.

Angola Telecom com licença global

No âmbito da liberalização do sector das Telecomunicações, o ministro José Carvalho da Rocha, avançou que serão emitidas licenças globais, o que vai permitir as operadoras prestar todo tido de serviço. Neste sentido, referiu eu foi dada essa oportunidade a Angola Telecom de prestar serviços em todas as gamas.

O ministro avançou ainda que as licenças globais serão emitidas para os três operadores, nomeadamente, a Unitel, a Movicel, e Angola Telecom que passa a ser a terceira operadora.
“Isso vai trazer alterações para dentro da Angola Telecom. Estamos a trabalhar no capital humano e tecnológicos”

Angola Telecom vai contribuir mais para o OGE

| MACRO & FINANÇAS |
About The Author
-