“Podemos juntar-nos para que o futebol volte a ser bom”

Garante que tudo fez para representar Angola no futebol feminino, por isso é tida como a rainha da modalidade no país. Irene Gonçalves procura motivar as meninas a aderirem à modalidade. Em entrevista ao SE, fala da sua vida pessoal e profissional.

É considerada a rainha do futebol feminino de Angola. Para si, qual o significado desta distinção?

[Risos] Fico feliz por tamanho carinho. Sinto-me lisonjeada com o carinho do povo angolano, que até hoje apesar de já não jogar, têm-me como referência do futebol nacional. Isso para mim significa que o trabalho foi bem feito. Enquanto atleta, tudo fiz para representar o país, daí o reconhecimento até aos dias de hoje. Creio que cumpri o meu dever, enquanto atleta.

Actualmente, o que tem feito?

Como a minha modalidade, futebol feminino, estava a morrer, prontifiquei- me a apoiar a modalidade. Tenho percorrido várias províncias para promover o desporto rei e motivar mais mulheres a aderirem à modalidade. Como tal, fiz o meu DVD a contar a minha história de vida. O mesmo também serve para mostrar o lado positivo de quem joga futebol. Tenho oferecido o DVD às jogadoras e sobretudo às crianças. Estamos na luta para que em 2017 se realize mais campeonatos femininos de futebol, em todos os escalões. Espero que seja uma modalidade que represente bem o nosso país.

Com toda essa luta, acredita que ainda existem mulheres angolanas a seguir a modalidade?

Quando decidi investir no futebol, primeiro pus-me a par se tínhamos ‘matéria-prima’ suficiente. E, descobri que há muitas crianças interessadas em jogar futebol, fiquei surpreendida. No ano passado, tomei conhecimento que existem, nas outras províncias, muitas meninas a praticarem futebol. Por isso, continuo a apostar no futebol, pois pessoas interessadas não faltam.

Já agora, que avaliação faz do futebol masculino?

É de conhecimento geral que ele está mal! Mas, é vontade geral, que a modalidade melhore. Acredito que todos nós podemos juntar-nos para que ele volte a ser bom, isso quer o masculino quer o feminino. Para voltarmos aos mundiais, a participar de campeonatos e a dar alegrias ao povo angolano.

Perfil

Signo: Sagitário

Um País: Angola

Prato Preferido: Feijoada

Um bebida: Coca Cola

Uma música: Deixa a vida me levar

Um ídolo: Nelson Mandela

Um filme: ‘Fortaleza Voadora Spark

Um animal de estimação: O Cão

Mais informação encontre no jornal imprenso já nas bancas!

“Podemos juntar-nos para que o futebol volte a ser bom”